Comunidade acadêmica e funcional do CBVZO passa a contar com quadra de esportes coberta

por Sheneville Cunha de Araújo publicado 11/02/2023 01h20, última modificação 11/02/2023 01h20
O novo espaço tem uma área total de 980,40 m² para a prática de esportes e todo adaptado para garantir acessibilidade
Comunidade acadêmica e funcional do CBVZO passa a contar com quadra de esportes coberta

Para inaugurar o novo espaço, além de uma solenidade com autoridades, um jogo de futsal foi realizado entre um time de estudantes do campus e outro com atletas já formados pela unidade de ensino do IFRR da zona oeste da Capital



A tarde desta sexta-feira, dia 10, no CBVZO foi marcada por mais um avanço na estrutura física da unidade de ensino. A partir de agora, estudantes, servidoras e servidores passam a contar com uma quadra de esportes coberta, que inclui vestiários e um depósito. A obra, que custou cerca de R$ 1,5 milhão, foi construída em uma área total de 980,40 m². 

 

Visando garantir acessibilidade, o novo espaço inclui rampa de acesso, piso tátil e banheiros (feminino e masculino) totalmente adaptados para pessoas com deficiência, com espaço adequado e barras de apoio nas paredes e nas portas.

 

O anfitrião da tarde, o diretor-geral do CBVZO, professor Isaac Sutil, durante a solenidade de inauguração, lembrou que esta foi uma obra muito aguardada por todas as pessoas que estudam e trabalham no campus, sendo essa entrega uma das grandes conquistas para toda comunidade, incluindo o público externo, que também deverá ser beneficiado com essa inauguração.

 

“Passamos muito tempo nos adaptando à essa falta de um lugar apropriado para a prática de esportes, superamos diversas dificuldades, formamos turmas sem esse espaço, mas acredito que é importante destacar em tudo isso, a dedicação dos nossos professores de educação física que conseguiram desenvolver um excelente trabalho, fazendo inclusive com que nossos estudantes atingissem bons índices em campeonatos esportivos e agora a expectativa é que esse desempenho seja ainda mais positivo. E destacar ainda a capacidade de articulação política da nossa reitora, a professora Nilra Jane, que em um grande esforço conseguiu emendas parlamentares para que pudéssemos seguir com esse projeto até se tornar realidade”, ressaltou.

 

A reitora do IFRR, professora Nilra Jane, declarou estar muito satisfeita em poder realizar a primeira inauguração de um espaço físico como esse na gestão que está conduzindo e no ano em que o CBVZO completa 10 anos de criação. Para ela, trata-se de uma conquista relevante, precedida do esforço de várias gestões anteiores, que resulta agora em um amplo benefício voltado para qualidade de vida, esporte e educação.

 

“Tivemos diversas situações a serem superadas, como cortes orçamentários, pandemia, entre outros, mas nossas equipes que estiveram à frente desse projeto atuaram com total rigor e responsabilidade para garantir uma nova estrutura com segurança e qualidade. A partir de agora temos esse espaço que beneficiará não apenas estudantes e servidores, mas a comunidade externa também. É um ambiente adequado para a prática de esportes, mas que pode receber outros tipos de ações, por meio de um planejamento estratégico, contribuindo para a formação integral de nossos estudantes e ainda para a integração com a comunidade externa”, observou a reitora.

 

O presidente da Faperr (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Roraima), Pedro Cerino, esteve na solenidade representando o Governo do Estado, declarou que é um orgulho para o poder executivo estadual poder fazer parte de um momento importante como esse para o IFRR, em que se pode observar também a boa gestão com a coisa pública.

 

“É importante ter espaços como esses nas instituições de ensino. E poder verificar de perto o compromisso e seriedade da instituição, entregando para a comunidade acadêmica essa estrutura, um espaço poliesportivo, de qualidade. É gratificante e importante para podermos reafirmar nossa posição de abertura para parcerias entre a fundação e o IFRR”, comentou.

 

A primeira professora de Educação Física do CBVZO, Gisela Rosseti, que passou por todas as fases do campus, até mesmo antes da unidade de ensino passar a ter sede própria, acredita que essa inauguração representa avanços em diversos aspectos no campus e para além do campus.

 

“Antes atuávamos  de forma adaptada, tínhamos que ter um esforço triplicado para desenvolver as aulas, exigindo uma dedicação um pouco além. Agora acredito que as novas instalações proporcionarão benefícios diversos e para além da comunidade interna do CBVZO. Além das aulas de educação física em um ambiente seguro e adequado para as atividades, outras ações voltadas para a qualidade de vida, saúde física e mental também poderão ser desenvolvidas, além de outros projetos que envolvam também as famílias dos alunos, moradores do entorno, promovendo ainda mais integração com a população”, destacou.

 

O estudante Jhonata Martins acredita que a partir de agora as atividades no campus serão muito melhores. “Antes precisávamos mais na quadra de areia e às vezes improvisávamos algo na parte coberta de convivência. Agora vamos para um local coberto, mais confortável. Vai ser tudo de bom”, comentou.

 

A estudante Isabel Leocádia, apesar de não gostar muito de praticar esportes, disse acreditar que a quadra coberta deverá servir como um certo incentivo para ela. “Agora ficou melhor e talvez eu faça as aulas de Educação Física um pouco mais animada”, analisou.

 

Já o estudante Ruan Pablo, que gosta de praticar esportes, está bem empolgado com o novo espaço do CBVZO. Ele que já faz atletismo, acredita que com a quadra, poderá se dedicar mais a esportes coletivos. “Agora, com um local que tem mais conforto para gente poder treinar melhor, acho que poderei me dedicar a outras modalidades, como futsal”, declarou animado com a novidade.

 

 

 




« Fevereiro 2024 »
month-2
Do Se Te Qu Qu Se Sa
28 29 30 31 1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 1 2
  

 

inscreva_se aqui 2017_1